Biblioteca itinerante de literatura de cordel





Reconhecida como Patrimônio Imaterial Brasileiro pelo Iphan desde setembro de 2018, a literatura de cordel, gênero literário popular, foi o principal objeto da proposta. Partiu-se da ideia de construir uma biblioteca itinerante dedicada a esse gênero, que criasse um suporte aos folhetos e também uma área de convívio e leitura.

Dado o caráter itinerante da biblioteca, a concepção de sua estrutura levou em consideração a leveza e a facilidade de transporte. O bambu e a palha foram escolhidos como materiais primordiais, buscando uma proximidade com a tenda. A estrutura em bambu, além de configurar uma área de sombra e abrigo, serve como suporte a painéis de tecido contendo os cordéis e seus desenhos de xilogravuras, que podem ser manuseados livremente. O desenho lembra uma sequência de bolsos e cria um interessante mosaico com capas dessas publicações.

Um dos pontos cruciais do projeto é voltar sua proposta a comunidades de regiões periféricas, visando contribuir para a reversão parcial do déficit de equipamentos culturais nessas localidades. A primeira localidade prevista para montagem e ativação do protótipo foi Uberlândia (MG). O levantamento realizado durante a pesquisa apontava que o município dispunha somente de 12 minibibliotecas, 3 bibliotecas universitárias e 2 bibliotecas municipais – a maioria localizada em regiões centrais. Com base nesses dados, o projeto se inicia com uma ativação na cidade a fim de testar suas potencialidades e limites. A implementação da proposta ganha forma com a repercussão e a realização de várias ocupações em cadeia. Tal qual a lógica do cordel, a Biblioteca Itinerante difunde-se com seus mais variados percursos.



Ficha técnica




Biblioteca Itinerante de Literatura de Cordel | Traveling Cordel-Literature Library

 

Projeto de biblioteca itinerante que visa oferecer um espaço de leitura e educação. A proposta da intervenção trabalha com a difusão de um patrimônio cultural imaterial brasileiro, levando a leitura e a educação para locais onde a presença do poder público e de instituições culturais é esparsa. O projeto opera na transformação do local de implantação por intermédio da cultura popular brasileira.

 

Itinerant library project aimed at creating a reading and educational space. The proposed intervention involves outreaching to help conserve Brazil’s intangible cultural heritage by making reading and education available in places where public authorities and cultural institutions have very small footprints. The project uses Brazilian folk culture to transform the local communities.

 

Autor | Author

Deivisson Rafael da Silva

 

Tipo de projeto | Type of project

Arquitetura | Architecture

 

Estado | State

Minas Gerais

 

Cidade | City

Uberlândia

 

Instituição de estudo | Learning institution

Universidade Federal de Uberlândia – UFU

 

Curso | Program

Arquitetura e Urbanismo | Architecture and Urbanism

 

Orientador | Advisor

Adriano Tomitão Canas